Após ter conseguido uma vitória por 1 x 0 contra o Jaciobá, em Palmeira do Índios, no Juca Sampaio, o técnico do Centro Esportivo Olhodagüense, Alyson Dantas, conversou com a redação do Amistoso AL, fez uma avaliação sobre o desempenho de sua equipe e falou, também, sobre suas expectativas para a próxima partida contra o Murici.

O treinador disse ter gostado do que viu no confronto, já que seus comandados demonstraram uma postura organizada, todo o tempo procurando propor o jogo e
trabalhando bem a bola. “Fizemos um jogo bem dinâmico com uma equipe que propôs o jogo a todo momento”, avalia Dantas.

Em sua análise o técnico fez questão de ressaltar o pouco tempo de trabalho e parabenizou os atletas, porque entende que conseguiram assimilar corretamente o que trabalharam nesse curto espaço de tempo de treinamento.

De acordo com Alyson, o placar poderia ter sido maior, já que perderam muitas oportunidades dentro da partida.

Jogo contra Murici

Com respeito ao confronto diante do Murici, o treinador sabe que será um jogo difícil e complicado para o CEO, mas acredita na possibilidade de mais uma vez fazer história no clube, aproveitando a chance de chegar na semifinal da competição através dos seus próprios méritos.

No entanto, disse saber sobre a dificuldade da competição, mas ao jogar em casa terão a responsabilidade de manter uma postura bem agressiva para conseguir o resultado positivo, sem perder de conta a qualidade do adversário. Para isso aposta na consciência e no foco do seu grupo para fazer um grande jogo e, consequentemente, conseguir a classificação. “Depende só da gente. Uma vitória nossa nos coloca numa situação que nos pode dar a classificação. Apesar de ter outro jogo entre ASA e CSE, teria que ter um placar muito elástico por lá para de repente a gente não conseguir”, concluiu.

(Crédito da imagem: Ascom CEO)