Nesta quarta-feira, 05, o Jaciobá Atlético Clube recebeu a decisão judicial proferida pelo juiz Sérgio Roberto de Mello Queiroz, do Tribunal Regional do Trabalho da 19ª Região, da Vara do Trabalho de Coruripe, sobre um processo trabalhista envolvendo dois ex-funcionários do clube.

Na sentença o magistrado determina retenção de crédito destinado ao Jaciobá, através da Secretaria da Fazenda do Estado de Alagoas ou à Federação Alagoana de Futebol (FAF) para que a quantia suficiente para os pagamentos das execuções seja transferida para uma conta judicial à disposição do Juízo.

O valor total proferido entre as duas causas excede R$ 100 mil reais. Em conversa exclusiva com o Amistoso AL, o presidente do Azulão do Sertão, Lucilo Brandão, que se encontrava em Maceió e retorna amanhã, 06, para Pão de Açúcar, disse que assim que chegar ao município se reunirá com a diretoria, o conselho deliberativo do clube e o setor jurídico para decidirem a melhor medida cabível.

Por outra parte, Brandão demonstrou estar um pouco desiludido com a notícia, já que desde que assumiu, no final de junho, ressalta vir trabalhando de maneira comprometida para colocar o clube em dia. O clube tem o prazo de 15 dias para recorrer.

(Crédito da imagem: Ascom Jaciobá)