Depois de uma disputa que começou um pouco difícil, pois perdeu a primeira partida por 2 x 0, conseguiu reverter o resultado levando a decisão para os pênaltis e conquistando uma vaga na final do e-Alagoano 2020, o representante alvinegro de Arapiraca, Ewerson Portela, deu uma entrevista com exclusividade para o Amistoso AL contando um pouco da sua trajetória dentro dos campeonatos online e como está se preparando para grande final.

Portela conta que sempre gostou de jogar futebol no vídeo game e que se destacava entre seus amigos, até que em 2010 soube de um campeonato online e resolveu
participar. Foi então que descobriu que o game era muito mais complexo do que imaginava, que se podia fazer tantas jogadas e que os jogadores tinham altas
habilidades. Mas também descobriu que existia uma classe de competidores em níveis muito alto. Ressalta que foi eliminado na primeira fase, então começou uma nova etapa de estudos e pesquisas sobre o game, além de muito treino.

Em 2012 retorna à Liga Alagoana de Futebol online com a FAF e saiu campeão 2012, indo representar o estado no campeonato brasileiro, em Fortaleza. Em 2013 conquistou o bicampeonato alagoano e ganhou 14 Copas Maceió, de 15 disputadas no ano. Em 2014 não competiu e nos anos seguintes sempre esteve entre os primeiros lugares do campeonato estadual e regionais. Em 2017 ficou entre os top 10 do Brasil e relembra que nesse mesmo ano saiu de Arapiraca de ônibus para Salvador, onde competiu com 470 participantes para ser o representante do Bahia no campeonato Brasileiro de Futebol online, disputado em Goiânia. No ano de 2018 foi Top 3 do Nordeste, onde conquistou o 3º lugar.

O atleta conta que durante sua vida profissional nunca tinha conseguido disputar um campeonato representando uma equipe com contrato, até que em mediados de 2019 teve um acercamento do ASA, para ser o seu representante. Uma semana depois de formalizar o contrato, em novembro, Portela colocou o alvinegro na Copa do Nordeste. Hoje o clube arapiraquense já tem seu representante em três campeonatos para os próximos meses, Copa do Brasil, Campeonato Brasileiro e Copa do Nordeste. Para quem alguns meses atrás tinha futuro incerto, já está com a negociação bem avançada para sua renovação com o clube por mais dois anos.

Quando questionado sobre o e-alagono 2020, o competidor diz que foi um dos melhores anos do campeonato e que, infelizmente, devido à situação em que vive o mundo com a epidemia, a competição teve uma maior visibilidade e que está sendo o campeonato mais importante e cobiçado.

Com respeito à final, Portela diz ter saído do jogo da semi e foi analisar todos os seus erros e acertos para corrigir e melhorará-los e que durante a semana estará analisando sua partida da primeira fase contra o seu adversário e definindo sua estratégia. “Eu nunca perco, quando eu não ganho eu aprendo”, conclui Portela sobre a experiência.

Ruan Rocha, do CSA, foi procurado pela nossa reportagem para uma entrevista, mas não deu retorno.

(Crédito da imagem: Reprodução)