A pandemia do Covid-19 forçou a paralisação do futebol brasileiro e, com isso, os clubes pequenos do futebol de Alagoas estão vivendo dias terríveis.

Depois do ASA, que rescindiu os contratos dos seus jogadores, hoje, quinta-feira, 26, foi a vez do CSE anunciar algumas medidas drásticas.

A equipe tricolor de Palmeira dos Índios informou que quatro jogadores não mais fazem parte do grupo palmeirense, situado no G4 do Campeonato Alagoano.

Os atletas que estão indo embora moram no Rio de Janeiro e são eles: o lateral direito Léo, o defensor Marcão, o volante Sardinha e o atacante Felipe Pedra.

Segundo Erivaldo Domício, supervisor do time interiorano, os referidos jogadores solicitaram viajar para visitar seus familiares e eles mesmos pediram suas liberações.

(Crédito da imagem: Reprodução)