O Tricolor de Palmeira dos Índios conquistou nesta tarde, 19, uma vaga inédita em uma competição nacional. Ao vencer o Desportivo Aliança, no Juca Sampaio, o CSE ganhou o direito de disputar a Série D do Campeonato Brasileiro de 2022, em partida bastante movimentada contra a equipe da capital.

Alan James e Renato marcaram para o CSE e Luciano fez o gol do Aliança. O clima de decisão acabou acirrando os ânimos de alguns jogadores, como Mikon e Filipe André, do Aliança, que chegaram se agredir no final da partida e foram expulsos.

Com a vitória, o Tricolorido vai disputar, agora, uma vaga na Copa do Brasil do ano que vem contra o ASA, que foi o campeão da Copa Alagoas. A disputa será em dois jogos, no domingo e na quarta-feira, com mandos de campo sendo sorteados nesta quinta-feira pela Federação Alagoana de Futebol (FAF).

Em entrevista à FAF TV, ao final da partida, o técnico Jaleson Marcelino se mostrou emocionado com o feito e disse que se sentia honrado em estar fazendo história pelo CSE, assim como fez com o ASA, com o Coruripe e tantas outras equipes no estado. Interessante lembrar, inclusive, que Marcelino comandou o CSE no acesso à primeira divisão do futebol alagoano em 2019. Foi também o técnico que mais levou equipes às semifinais da comeptição.

O grupo comandado por Jaelson entrou em campo com a seguinte formação: Alexandre, Renato, Cristiano, Eduardo Bahia e Jackson, Jair Amaral, Emerson e Everlan, Luizinho, Cleiton e Alan.

(Crédito da foto: Ítalo Ramon/CSE)