O Coruripe anunciou neste sábado, 27, que pagou a última parcela das rescisões dos jogadores que atuam em Alagoas e o compromisso com os residentes em outros estados será quitado até o dia 20 de julho. Além do pagamento, o clube ainda distribuiu cestas básicas aos atletas da casa.

“Para cumprir com a segunda e última parte com os jogadores residentes em Alagoas o superintendente Franciney Joaquim e o supervisor Herilúcio Ferreira viajaram de norte a sul, nesta sexta-feira 26, realizando o pagamento e doando uma cesta básica para cada atleta”, colocou a assessoria do clube, em nota.

A Ascom informou, ainda, que o pagamento só pôde ser realizado através da parceria com a prefeitura da cidade e do Grupo Coringa, que manteve o patrocínio e ainda doou produtos para cesta básica.

Sem as partidas de futebol, sem renda e cotas de transmissão o Hulk Praiano ressaltou que não pagou de forma integral a folha, nem os contratos rescindidos. “Para pagar o mês e meio trabalhado e a primeira parte das rescisões, a direção recorreu do saldo de caixa e da ajuda financeira da CBF para clubes com vaga na Série D 2020”, ressaltou a nota.

Complementa que para voltar ao Estadual e iniciar o Campeonato Brasileiro da Série D o clube precisará se planejar financeiramente para não acarretar mais prejuízos à entidade.

(Crédito da imagem: Herilúcio Ferreira / AA Coruripe)